quinta-feira, 17 de abril de 2014

Tudo o que precisa saber sobre a Drenagem Linfática - Parte I


Em poucas palavras a Drenagem Linfática é…

…uma técnica de massagem que utiliza movimentos e pressão específicos, trabalhando o sistema linfático, de forma a aumentar a fluidez da linfa. É através da estimulação da circulação dos líquidos acumulados entre as células e os resíduos metabólicos que se vai fazer a expulsão das toxinas e resíduos acumulados. A eliminação destes resíduos e toxinas traduz-se no combate eficaz contra a celulite e gorduras localizadas, no melhoramento do sistema imunitário, na estimulação da regeneração dos tecidos e numa acção anti-inflamatória, tendo também efeitos relaxantes.
Origem da Drenagem Linfática
A Drenagem Linfática é uma técnica de massagem que foi desenvolvida em 1932, na Dinamarca, pelo terapeuta Emil Vodder e pela sua mulher Estrid. Nesta época o sistema linfático era um assunto tabu tanto para massagistas como para médicos.
Foi intuitivamente que o Dr. Vodder começou a tratar os seus pacientes, que na época recuperavam de constipações crónicas e sinusite, apresentando grande parte desses pacientes nódulos linfáticos inchados. Com movimentos suaves, ritmados e circulares, aplicados nas cadeias ganglionares do pescoço, os resultados foram os melhores, eliminando quaisquer tipos de patologias.
O pioneiro casal Vodder continuou a sua pesquisa, fundando mais tarde a primeira escola de DML (Drenagem Linfática Manual), contribuindo grandemente para difusão da hoje terapeuticamente reconhecida Drenagem Linfática.

Drenagem Linfática


Princípios da Drenagem Linfática

Como o próprio nome indica, o grande princípio da Drenagem Linfática é drenar.
Ao estimular o sistema linfático, através da aplicação de pressão, proporciona-se o escoamento da acumulação de resíduos e toxinas acumuladas em determinadas zonas do organismo.

Tipos de Drenagem Linfática

Um dos tipos de Drenagem Linfática é a manual, sendo este o mais conhecido, e  adequando-se a qualquer tipo de pessoa. Para além da manual existe a mecânica, também conhecida como Pressoterapia, a Sequencial, que funciona por via da electroestimulação, a Reversa, que visa o escoamento da linfa através de vias alternativas e não danificadas, e a Vacuoterapia, que utiliza o vácuo.

Drenagem Linfática Manual, passo a passo:

A Drenagem Linfática é um tratamento realizado com um  toque e pressão muito suave, isto porque os vasos linfáticos são bastante superficiais, ficando estes entre a pele, músculos e gordura.
O tratamento inicia-se com a abertura dos gânglios principais que acumulam as toxinas produzidas pelo corpo, dificultando por isso a circulação linfática. Este processo é feito com a mão posicionada sobre o gânglio a fazer uma ligeira pressão, que terá a função de estimular o seu funcionamento.
Seguidamente é efectuado o direcionamento da linfa pelos canais linfáticos, com deslizamentos manuais superficiais,  no sentido do gânglio estimulado. São também utilizados movimentos circulares e em forma de 'onda' para arrastar a linfa e estimular a circulação da mesma.
Está também presente o movimento de compressão e descompressão, para activar  as funções naturais dos vasos.
Todos os movimentos são feitos no sentido ascendente, sempre intercalando com bombeamento nos gânglios principais.
No final o tratamento termina com uma nova estimulação dos gânglios.

Drenagem Linfática no Float in Spa

Não perca a continuação deste artigo onde abordaremos os cuidados a ter antes e depois de receber uma Drenagem Linfática, bem como apresentaremos os benefícios deste tratamento.